• Português
  • English
logo
  • Marque uma consulta
    (31) 3141 4294
  • Tire suas dúvidas
    (31) 9 8428 7983
  • Toxina Botulínica: o que o botox pode fazer por sua beleza?

    Toxina Botulínica: o que o botox pode fazer por sua beleza?

    A toxina botulínica (botox) é um produto de origem biológica obtido a partir de culturas do microorganismo C. botulinium, na sua forma atenuada. Quimicamente, pode reduzir temporariamente linhas de expressão, rugas na testa e até os famosos pés-de-galinha.
    Tire as principais dúvidas sobre o procedimento a seguir:

    Dúvidas frequentes sobre o botox

    1) A toxina botulínica tem indicação somente estética?

    Essa substância vem sendo usada desde os anos 60 pela área de neurologia, para tratamento de crianças e adultos portadores de problemas relacionados com espasmos musculares, tanto na face quanto em algumas regiões do corpo.

    2) Como age a toxina botulínica?

    O modo de ação é por meio de um “enfraquecimento” muscular. A toxina bloqueia quimicamente a chamada “placa motora” do músculo, impedindo a sua contração, ou seja, impede a transmissão do impulso elétrico pelo nervo (inibe a liberação de acetilcolina).

    3) Que indicação cosmética a toxina botulínica tem?

    Sua administração é indicada para amenizar as rugas dinâmicas ou de expressão (causadas pela ação muscular) na região frontal (testa), glabela (entre sobrancelhas), periorbital (pés-de-galinha), pescoço e peri oral.

    4) Todas as rugas do rosto desaparecem?

    Não. A neutralização da ação da musculatura sob a pele determina o “apagamento” de rugas dinâmicas, desde que a intensidade da substância seja adequada para a situação. As rugas estáticas se beneficiam apenas na sua progressão, ou seja, aprofundamento destas linhas.

    5) Como diferenciar as rugas dinâmicas das rugas estáticas na face?

    As rugas dinâmicas são aquelas que se formam sobre a pele toda vez em que é exercida a contração da musculatura facial. Por exemplo, as marcas quando você sorri. As rugas estáticas constituem as linhas de expressão causadas pela contração muscular ao longo de vários anos e estão presentes permanentemente, independente da “mímica facial” contraída.

    6) Quem tem rugas estáticas pode ter algum benefício com a aplicação da toxina botulínica?

    Sim. Uma vez formada a ruga estática, a neutralização da ação muscular sobre esta área possibilita que a mesma não aumente a ponto de deixar uma “marca profunda”, comum numa face senil. A associação com substâncias preenchedoras (ácido hialurônico, gordura, etc.) pode ter algum benefício.

    7) Como é realizada a aplicação?

    Através de uma seringa com agulha muito fina, injeções em áreas pré-definidas são aplicadas, ou seja, locais onde a ação da musculatura produz muita força sobre a formação das rugas na pele.

    8) A aplicação é dolorosa?

    A área a ser tratada recebe uma cobertura tópica de creme anestésico, 30 segundos antes da aplicação. O uso de máscara facial com gelo minimiza mais ainda a dor local, segundos antes da aplicação.

    9) Existe algum perigo na aplicação?

    Sim. O conhecimento da anatomia abaixo da pele é fundamental. Os Cirurgiões Plásticos estão familiarizados com esta anatomia. No entanto, mesmo em mãos experientes, aplicações indevidas podem ocorrer, principalmente diante da possibilidade da existência de variações anatômicas na região.

    10) Que intercorrências comuns podem ocorrer?

    Pode ser percebido o surgimento de manchas roxas (equimose), edema (inchaço) local, eritema (vermelhidão) e/ou um pequeno sangramento no local da injeção. O uso de gelo no local pode minimizar estes efeitos.

    11) Que intercorrências raras podem ocorrer?

    Ptose (queda da sobrancelha), paralisia temporária da mímica facial, injeções intravasculares que podem levar a isquemia e necrose (morte) tecidual local, cegueira, entre outras.

    12) Quando os efeitos da toxina começam a ser percebidos?

    A paralisia começa a surgir 24 horas após a aplicação. No entanto, somente depois do 5◦ dia é possível notar o efeito máximo da substância.

    13) Quanto tempo dura o efeito?

    Depende da dose aplicada. Na dose de 50 unidades, este efeito pode durar de quatro a seis meses.

    14) Que cuidados tomar para obter o melhor resultado?

    Nas primeiras horas, evitar movimentar a mímica facial (falar, sorrir, chorar), evitar deitar sobre a região aplicada e não massagear a região após a aplicação. É comum o paciente ficar “testando” se a substância já agiu. A busca por um resultado antes do previsto pode prejudicar a ação da substância.

    15) Quais são as contraindicações da aplicação da toxina botulínica?

    O botox não é indicado para mulheres grávidas ou em período de amamentação. Pessoas com doença neuromuscular como miastenia grave, hipersensibilidade conhecida à Toxina Botulínica ou à Albumina Humana, uso de antibióticos do tipo aminoglicosídeo ou de medicamentos que interfiram na transmissão neuromuscular não devem fazer uso da toxina botulínica. O mesmo vale para pacientes com infecção ou inflamação no local a ser tratado.

    16) Existe alguma possibilidade da toxina botulínica não surtir efeito?

    Sim. Em raros casos, após aplicações sucessivas da toxina, pode ocorrer o fenômeno de sensibilização no qual há formação de anticorpos contra a toxina. A inexistência de qualquer efeito também pode ocorrer, sendo mais rara ainda.

    Recomendações prévias à aplicação do botox

    1. Não compareça ao local da aplicação utilizando maquiagem, cremes ou filtro solares.
    2. Não realize tratamentos de pele (peeling, laser, limpeza) até sete dias antes da aplicação.
    3. Em caso de infecções de pele locais, comunique com até dois dias de antecedência.
    4. Evite o uso de medicamentos a base de ácido acetilsalicílico até 10 dias antes da aplicação.
    5. Traga óculos escuros grande que cubram a região dos olhos.
    6. Leia e assine o Informativo e Termo de Autorização para aplicação.

    Recomendações posteriores

    1. Evite falar, rir e chorar no dia da aplicação.
    2. Evite deitar sobre a área aplicada, por 24 horas.
    3. Evite se expor ao sol enquanto as manchas roxas estiverem presentes.
    4. É recomendável o uso de compressa de gelo (armazenado em sacos plásticos) sobre a face, de 5 em 5 minutos, nas primeiras 12 horas.
    5. Use óculos, protetor de sol e filtro solar com fator de proteção 60 após a aplicação.
    6. Obedeça à prescrição médica.
    7. Volte ao consultório nos dias e horários estipulados.
    8. Não se preocupe com as formas intermediárias nas diversas fases.
    9. Tire conosco quaisquer dúvidas. Evite sensibilizar-se pelas opiniões de leigos.

     

    Este conteúdo é apenas para fins informativos. Não se destina a representar técnica cirúrgica real ou resultados. A informação não se destina a ser um substituto para a consulta médica profissional, diagnóstico, tratamento ou cuidado de pós-operatório. Procure sempre o aconselhamento de um profissional médico capacitado e Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).